Conheça os principais termos da computação em nuvem

Conheça os principais termos da computação em nuvem

A computação em nuvem – ou cloud computing – está em alta no mercado tanto para grandes como pequenas e médias empresas. A cada ano aumenta mais o número de organizações que estão migrando para a nuvem, por isso, é fundamental que você estaja familiarizado com os principais termos usados para definí-la.

Quando falamos em migração, estamos nos referindo ao processo de mudança da estrutura da empresa de um local físico para um ambiente virtual, muito mais prático e econômico. 

Com a migração da empresa para a computação em nuvem, deixa-se de ter a necessidade de guardar infinitas pilhas de papéis e também de ter um espaço específico para acomodar seus servidores. Além de muitos outros benefícios, a empresa ainda se torna um local que ajuda e se preocupa com o meio ambiente.

Bom, e com o avanço da tecnologia, será que você está por dentro dos principais termos do universo da computação em nuvem?

Para você se manter ainda mais atualizado, preparamos um glossário com as principais palavras-chave relacionadas à nuvem.

GLOSSÁRIO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM

Esperamos que este glossário com os principais termos usados no mundo da computação em nuvem possa ajudar na rotina na sua empresa:

Data center

De modo simples, é uma instalação física e bastante segura onde são centralizadas as redes e serviços de TI de uma organização. São compostos principalmente por sistemas de armazenamento, roteadores, servidores, switches e firewalls.  

Um data center oferece toda a estrutura necessária para o armazenamento e processamento diário de dados, aplicativos e o que mais for importante para a rotina da organização.

A construção e manutenção de um data center possui alto custo, mas hoje existem provedores de data center virtuais – como a CentralServer – e este custo se torna muito mais acessível para as empresas de médio e pequeno porte, principalmente.

A CentralServer oferece uma estrutura completa de computação em nuvem, e para saber mais é só entrar em contato com um de nossos Especialistas.

Cloud Computing

Também conhecido como computação na nuvem, trata-se da entrega da computação como um serviço e não um produto. Aqui, o acesso aos recursos de infraestrutura, softwares e demais informações, podem ser realizados de qualquer lugar do mundo e de qualquer dispositivo conectado à internet.

É um recurso que permite às empresas executarem soluções de TI diretamente de servidores remotos.

Redundância de dados

Trata-se da duplicação de dados em diferentes data centers, e essas cópias de segurança serão acionadas em caso de falhas – tanto no ambiente físico como virtual. 

Você pode ler mais sobre isso em nossa postagem sobre BC/DR.

Multi-cloud

É o uso de várias nuvens de diferentes fornecedores, permitindo o acesso a variados recursos, infraestrutura subjacente e tantas outras funcionalidades disponibilizadas pelo fornecedor.

Uma estrutura multi-cloud oferece maior flexibilidade para uma empresa, que não fica dependente apenas de um único fornecedor.

IaaS

A Infraestrutura como Serviço é um serviço de computação em nuvem que oferece os recursos fundamentais de computação, armazenamento e rede sob demanda e pagos conforme o uso. Provedores como a CentralServer, oferecem IaaS gerenciado em múltiplos ambientes, como AWS, Azure e VMware Cloud.

SaaS

São exemplos comuns de Software as a Service (Software como Serviço): e-mails, ferramentas do Office e Google Drive, e aplicativos fornecidos online, como: RD Station, Conta Fácil e Pipefy.

Sendo assim, trata-se da distribuição e comercialização de softwares que o usuário acessa exclusivamente através da internet – podendo ser gratuito ou não.

Outro exemplo importante, é o ERP na nuvem. Enterprise e Resource Planning – ERP – trata-se de um sistema de gestão e planejamento dos recursos de uma empresa. De forma integrada, o ERP permite que as atividades de departamentos como financeiro, recursos humanos, suprimentos e entre outros, sejam administrados a partir de um único software.

Com o objetivo de otimizar os processos, o ERP na Nuvem é uma solução mais moderna e tão funcional quanto ao ERP local, mas que carrega consigo muito mais benefícios como: segurança, mobilidade, redução de custos, escalabilidade e maior controle sobre os processos da empresa. 

PaaS

Platform as a Service é um serviço de computação em nuvem que oferece, além da infraestrutura, todo o ambiente para o desenvolvimento, execução e gerenciamento de aplicativos variados.

Inclui infraestrutura (servidores, armazenamento e rede), middleware, serviços de BI, sistema de gerenciamento de banco de dados, ferramentas de desenvolvimento, entre outros. 

Nuvem pública

A infraestrutura e os serviços são oferecidos sob demanda e gerenciados por um provedor terceirizado, em escala global. 

Assim, você paga pelo que usa e realiza o acesso através da internet pública. 

Nuvem privada

Trata-se do serviço de computação em nuvem com a infraestrutura 100% dedicada a uma única organização.

Nuvem híbrida

É a combinação de uma nuvem privada e uma nuvem pública. Juntas elas trabalham juntas e oferecem um serviço flexível de computação em nuvem.

Cloud Ops

É o serviço de operação da nuvem, fornecido por empresas como a CentralServer, que consiste no monitoramento e operação da computação em nuvem a nível de infraestrutura, plataforma ou software, conforme um escopo pré-definido. Através do Cloud Ops, o cliente conta com especialistas para sustentar os sistemas na nuvem e pode focar no desenvolvimento do seu negócio.

Agora que você conhece os principais termos relacionados à computação em nuvem, vai ficar ainda mais fácil fazer parte deste universo!

A CentralServer oferece as melhores opções de computação em nuvem. Entre em contato conosco e um de nossos Especialistas irá ajudá-lo em seu projeto.

Seu negócio na nuvem. Simples assim.

(Visualizado 1 vezes, 1 vezes visualizado hoje)