Qual a importância da automação da TI?

Qual a importância da automação da TI?

A cultura de inovação, produtividade e melhoria contínua estão presentes em toda empresa que busque diferencial competitivo no mercado e queira crescer e expandir os seus negócios. Mas, para tornar isso realidade, entre outros fatores, é preciso automatizar a TI.

Na atual era dos negócios digitais, os clientes estão buscando cada vez mais soluções para facilitar e tornar mais rápidas e precisas as tomadas de decisões. Além disso, eles estão muito mais informados e não admitem uma solução que não supra todas as necessidades.

Como conseguir captar e reter esses clientes? A resposta consiste em conseguir entregar o que eles precisam de forma prática e com baixo custo. Quer saber como a automação da TI pode ajudar nesse processo? Continue a leitura e descubra!

O que é automação da TI?

A automação é comumente definida como um sistema no qual os processos operacionais controlados por algum meio mecânico ou eletrônico. Sua aplicação é cada vez mais utilizada em todos os campos, como varejo, fábricas, telecomunicações e na área da saúde.

No caso da TI, ela se dá pelo uso de scripts ou de sistemas que têm como objetivo tornar automáticos os processos de instalação e configuração de sistemas e execução de serviços.

Por que a automação da  TI é importante?

A automação da TI permite que os ambientes possam ser replicados com muito mais segurança, reduzindo as chances de erros. Dessa forma, ela traz agilidade no desenvolvimento e operações.

Um dos fatores mais importantes na automação é a melhora no nível de qualidade. Com parâmetros estabelecidos, as entregas cumprirão exatamente a função esperada, evitando retrabalhos e perda de eficiência.

Com mais segurança, agilidade e qualidade, a empresa consegue reduzir custos. Além disso, os colaboradores deixam de executar tarefas mecânicas para se concentrarem em atividades que realmente possam agregar valor para a organização.

Quais os tipos de automação disponíveis?

Existem diversas formas de se realizar a automação da TI. Confira abaixo as principais:

Automação de servidores na nuvem

Essa automação é a principal responsável por facilitar o trabalho dos gestores de TI.

Com o apoio da computação em nuvem, é possível ganhar agilidade e garantir implantação rápida e consistente de novos servidores.

Os principais fornecedores do mercado dão suporte aos sistemas operacionais mais relevantes, além de fornecer serviços e recursos de automação que  permitem reduzir de forma considerável os custos internos com locação de espaço e infraestrutura, dentre muitos outros benefícios.

O uso da nuvem também aumenta a eficiência operacional por disponibilizar as informações em tempo real em diversos dispositivos, bastando ter acesso à internet para isso.

Automação do processo de desenvolvimento

O processo de desenvolvimento é extremamente complexo. Dependendo do projeto, o  processo de desenvolvimento de software pode ser extremamente complexo. Muitas pessoas podem estar envolvidas, assim como é possível que uma grande quantidade de códigos seja escrita. Diante disso, utilizar ferramentas para realizar testes automaticamente é essencial para evitar erros e, caso aconteçam, eles possam ser rapidamente detectados e corrigidos.

Outro fator que contribui para agilizar o processo de desenvolvimento são as ferramentas de integração contínua que facilitam a publicação de novas versões e o trabalho integrado de Desenvolvimento e Operações segundo o modelo DevOps.

Automação dos processos de trabalho de atendimento

O atendimento às demandas dos usuários é um dos fatores mais importantes para qualquer organização, e a automação da TI permite eliminar diversos processos que são realizados de forma manual sem a necessidade de grandes investimentos. Veja alguns exemplos práticos:

  • criação de novos usuários;
  • geração de relatórios;
  • monitoramento de usuários;
  • redefinição de senhas.

O atendimento pode ainda ser automatizado em níveis superiores, com a utilização de ferramentas como o help desk ou service desk.

Quais os principais benefícios para a empresa?

Escalabilidade

Por meio da computação em nuvem, a automação da infraestrutura de TI gera um grande diferencial competitivo para a empresa: a escalabilidade, ou seja, a empresa pode escalar os recursos de acordo com a necessidade do momento.

Imagine, por exemplo, que sua empresa possui um e-commerce. Com os seus servidores na nuvem, a organização consegue aumentar a sua capacidade em períodos como a Black Friday e garantir a disponibilidade, segurança e velocidade dos serviços, possibilitando o sucesso das vendas do período, além de eliminar os custos fixos de recursos não utilizados.

Vantagem competitiva

Vantagem competitiva é ter algo que os concorrentes não possuem, o que pode ocorrer em termos de processos, qualidade, velocidade na entrega dos projetos, custos diferenciados, cultura e outros.

De fato, as soluções de cloud e DevOps permitem que a empresa coloque em prática a cultura da inovação, pois possibilitam experimentações e velocidade na resposta, assim como auxiliam a tomada de decisões.

Melhor segurança

Depois dos colaboradores, a informação é um dos principais ativos das organizações e é preciso garantir que todas as políticas de segurança sejam cumpridas para assegurar o sigilo dos dados sensíveis.

A automação da  TI facilita o controle e a fiscalização, verificando se todas as políticas da companhia estão sendo seguidas para blindar a empresa de ameaças.

A automação da TI é um dos principais passos para tornar o negócio mais competitivo e preparado para o crescimento. Não hesite em ter um bom fornecedor de tecnologia como parceiro para obter melhores resultados.

Agora que você já sabe a importância da automação de infraestrutura de TI, é a hora de colocar em prática na sua empresa. Entre em contato conosco que teremos o maior prazer em ajudá-lo!

Gostou desse conteúdo?

Fique atualizado recebendo gratuitamente nossos artigos diretamente no seu email

(Visualizado 485 vezes, 1 vezes visualizado hoje)